Vamos começar este artigo dizendo que a otimização para motores de busca tornou-se um pouco ambígua. Se você deseja otimizar para motores de busca, a realidade é que você não precisa pensar nos motores de busca. Pelo contrário, é preciso pensar em otimização de conteúdo para seus visitantes.

A maneira certa de atingir uma boa classificação nos motores de busca é criar conteúdo que o seu público-alvo ame de verdade.

Ninguém realmente conhece todos os fatores de classificação (fato é que existem mais de 200 fatores de rankeamento). A especulação tem sido sempre abundante sobre quais critérios de rankeamento são usados e onde está a sua força.

Recentemente, porém, o Google através de vários artigos confirmou que existem três principais sinais de classificação:

  • Conteúdo – o teor real de uma página, artigo ou site completo
  • Links – a quantidade e a qualidade dos links para seu domínio e páginas específicos e mensagens de seu site
  • RankBrain – vamos elaborar um pouco sobre isso durante o artigo

Então, quais são as coisas que você precisa pensar se você quer atingir os três principais sinais de classificação?

Escreva conteúdo para os usuários, não para os motores de busca

De volta ao passado… costumávamos ouvir muitas recomendações para escrever conteúdo otimizado para motores de busca e “truques” para enganar o Google.
Muitas destas sugestões podem ter feito sentido para os motores de busca no passado em que os algoritmos de classificação eram bastante simplistas.
Estas técnicas antigas, no entanto, só criam uma má experiência do usuário.

Faça o melhor conteúdo da Internet

Quais devem ser nossos objetivos quando escrevemos conteúdo voltado para o site?

  • Queremos escrever o conteúdo que atraia os usuários e não apenas motores de busca
  • Nós queremos competir com outros sites que já estão classificando para as nossas palavras-chave escolhidas

Para atingir essas metas, você precisa criar um conteúdo que vai acima e além das expectativas de seus usuários. Ele também precisa ser melhor do que qualquer coisa criada pelos sites que você está competindo contra. Para o seu determinado tópico, você deve se concentrar em criar o melhor conteúdo na internet. Só por ter o melhor conteúdo na internet para qualquer tópico que você pode esperar as primeiras posições dos motores de busca.

Por que precisamos de ter o melhor conteúdo na internet?

  • Usuários querem ser surpreendidos e impressionados com o seu conteúdo.
    Eles querem aprender coisas novas e sair de seu local de conforto, sabendo que eles aprenderam algo novo.
  • Eles querem ter a possibilidade de fazer algo com o conteúdo que você tem dado a eles.

Ao criar esse conteúdo incrível que você vai ganhar a confiança de seus visitantes. Isto, naturalmente, vai ser necessário se você quer, eventualmente, converter esses visitantes em leads, prospects ou clientes.

Escrever ‘o melhor conteúdo na internet’ não é uma tarefa trivial. Você tem que investir tempo, pesquisa, experiência e conhecimento para em seguida, despejar tudo isso em um artigo. O que nos leva à necessidade de …

Escreva texto longos que se aprofundem no conteúdo

Para escrever o melhor conteúdo na internet, é provável que você precise cobrir um tópico de todos os ângulos.

Para cobrir todos os ângulos e escrever o melhor conteúdo na Internet (na maioria das vezes), você vai precisar para escrever o conteúdo em um formato longo. Não só isto é ótimo para os motores de busca, mas estudos de correlação mostram que mais conteúdo nos artigos resultam uma classificação mais elevada nos motores de busca.

Use palavras-chave e frases-alvo

  • Use as palavras-chave alvo na tag <title>
  • Organize os títulos em <h1> e <h2> e <h3>
  • Use as palavras-chave alvo nas primeiras 100 palavras e nas últimas 100 palavras do artigo
  • A primeira imagem de seu artigo deve ter uma tag ALT que inclua as palavras-chave

Escreva um título focado em atiçar Curiosidade e Cliques

Use títulos que despertem a curiosidade, para obter mais cliques!
Fique atento às atualizações recentes (e frequentes) feitas pelo Google

Como escrever pensando em SEOUtilize imagens que chamem a atenção

Uma dica é utilizar bancos de imagens grátis, com o cuidado de confirmar antes todos os pontos sobre licença e créditos

Escreva uma introdução que chame atenção!

Isso mantém os usuários lendo o seu conteúdo

  • Inclua conteúdo para manter os usuários envolvidos com o seu artigo
  • Escreva frases e parágrafos curtos (para facilitar a leitura)
  • Use listas de ponto e listas numeradas, sempre que necessário
  • Use em abundância títulos e sub-títulos (de forma estruturada)
  • Use em abundância imagens que complementam o conteúdo que você escreveu. Blocos de texto pesado fazem a leitura difícil
  • Inclua vídeos relevantes que complementem o seu conteúdo. Tanto o clique e a visualização do vídeo serão um sinal de engajamento forte
  • Inclua pelo menos 2 a 3 links relevantes que complementem o seu conteúdo. Uma atualização relativamente antiga, mas ainda relevante do Google chamado Hummingbird dá mais relevância para o seu conteúdo se ele faz referência a conteúdo semelhante ao tópico que você está escrevendo
  • Incentive seus usuários a comentar sobre o seu conteúdo. Este é um sinal de engajamento forte e um sinal claro de que seu texto provocou uma resposta
  • Inclua conteúdo para download, se possível, para aumentar a possibilidade de cliques (engajamento)

Invista muito tempo com Divulgação

Poste seu artigo no Medium, nas redes sociais, no Issuu e onde mais for possível!

Compreenda os conceitos de RankBrain para ser capaz de classificar conteúdo para consultas específicas

Uma das maneiras que o Google entende consultas complexas é através da aprendizagem de máquina. RankBrain é um algoritmo de aprendizado de máquina que o Google tem implementado para compreender o significado por trás de certas consultas complexas.

O que o RankBrain e a aprendizagem de máquina fazem em geral é usar exemplos anteriores de comportamento para aprender a prever qual resultado da pesquisa é o resultado exato necessário para a intenção de pesquisa de um usuário específico. A maneira como isso é feito, em geral, é informar milhares de exemplos para o algoritmo e, em seguida, mostra-lhes o que parece ser o resultado correto para essa determinada consulta. O resultado correto, é determinado quando o usuário está satisfeito com um resultado de pesquisa e para de procurá-lo.

Estas consultas de pesquisa, resultados e sensores de usuários comportamentais são alimentados no algoritmo de tal modo que, eventualmente, aprende quais os resultados de pesquisa corretos devem ser apresentados a cada usuário. E é por isso que você deve sempre se concentrar em criar a peça perfeita de conteúdo para o tópico que você está escrevendo.

O Google tem desenvolvido seus algoritmos de tal forma que ele sempre retornará o melhor resultado encontrado. Sua base maciça de dados do passado pode ser usada para determinar os resultados de pesquisa corretos, e prever o resultado correto daqui para frente.

Um bom trabalho de SEO exige tempo e paciência

Claramente, otimização para motores de busca não é uma tarefa trivial. Leva tempo, persistência e muito esforço.
Plugins irão ajudá-lo, mas eles não serão capazes de fazer milagres porque a maioria deles se concentra em SEO on-page.
Oferecer um SEO que faça uma diferença real para o seu site exige  muito mais do que isso.
Mas se você criar uma estratégia completa em torno de seus esforços de SEO você vai definitivamente ser recompensado no longo prazo.